O meu cabelo crespo/cacheado não é modinha.

Talvez você não saiba, mas assumir as raízes naturais não é nada fácil, principalmente vivendo em um país recheado de preconceito e racismo.

Talvez você não saiba, mas por diversos anos acreditei que os cabelos crespos ou cacheados eram “ruins”, eram semelhantes ao Bombril e eram motivo de piada na escola, inclusive por isto alisei o meu cabelo. Queria ser como todo mundo, queria ter o cabelo liso igual as outras meninas, tentava ser aceita no padrão que me determinaram.

Talvez você não saiba, mas ligar a tv e assistir novelas, filmes ou séries em que os artistas negros são os atores principais e exercem papéis como o de herói, “a mocinha”, “o mocinho”, não é moda, é representatividade!

Talvez você não saiba, mas o Brasil é um país miscigenado e negros e pardos constituem a maior parte da população. Eu e você, independente da nossa aparência carregamos a mesma herança ancestral.

Talvez você não saiba, mas assumir o cabelo natural não é moda, é aceitação, é libertação. É você entender que a beleza não é um padrão, é você quem constrói o que é bonito para você e não a mídia. É você perceber que aquela modelo de cabelos lisos, cinturinha 60cm é bonita sim, mas você também é! Com suas curvas, com seus cachos e sua autenticidade! É você observar que se todos fôssemos iguais não teria a menor graça e que você não precisa ser o que dizem que você deve ser! Você só precisa ser quem deseja ser!

Anúncios